Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Após 13 anos de atraso, trem para o Aeroporto de Guarulhos começa a funcionar

Após 13 anos de atraso, a Linha 13-Jade da CPTM, que liga São Paulo ao aeroporto internacional de Cumbica, em Guarulhos, começa a funcionar neste sábado (31). A princípio, durante um mês, a linha circulará somente aos sábados e domingos, das 10h às 15h, gratuitamente. O governador Geraldo Alckmin tinha prometido entregar a Linha 13 até 2005.

Depois, passará a funcionar em todos os dias no mesmo horário e no terceiro mês começará a operação comercial, com cobrança de tarifa.

A Linha 13-Jade tem 12,2 km de extensão e três estações: Aeroporto-Guarulhos, Guarulhos-Cecap e Engenheiro Goulart (na Zona Leste de São Paulo), onde haverá integração com a Linha 12-Safira (Brás-Calmon Viana) da CPTM.

A expectativa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) é que a linha seja utilizada por 120 mil passageiros por dia útil.

Inicialmente projetada para ser próxima ao terminal 3, conhecido como terminal internacional, a estação Aeroporto Guarulhos foi construída próxima ao terminal 1, o que deixará os passageiros distantes da área de embarque. A mudança ocorreu após o aeroporto que era administrado pela Infraero ser concedido à iniciativa privada.

No aeroporto, o trem para na estação que fica em frente ao Terminal 1, onde operam as companhias Azul e Passaredo. Para ir para os principais terminais do GRU Airport, o Terminal 2 (voos nacionais) e o Terminal 3 (voos internacionais), será preciso atravessar a passarela e tomar um ônibus gratuito que será disponibilizado pela concessionária do aeroporto.

Atrasos

A promessa de um trem que liga a capital ao Aeroporto de Guarulhos, no entanto, é antiga. Em sua primeira gestão, no começo dos anos 2000, o governador Geraldo Alckmin tinha prometido entregar a Linha 13 até 2005.

Em 2007, na gestão de José Serra (PSDB), a entrega do foi anunciada para 2010. Porém, em 2009, a promessa mudou para a Copa de 2014. Por falta de interesse privado, a obra não saiu do papel.

Em 2015, o governo voltou a cogitar o projeto e prometeu entregá-lo até o fim de 2017. Em setembro do ano passado, o governo alterou a data para março de 2018.

As obras da Linha 13 começaram no final de 2013 e a data da entrega foi adiada por várias vezes. A previsão é de que ela fosse concluída em 2015.

Cronograma de funcionamento

Abril: A operação assistida vai atender as estações Engenheiro Goulart, Guarulhos-Cecap e aeroporto, com intervalos de cerca de 30 minutos, aos sábados e domingos, das 10h às 15h. O trajeto será feito em cerca de 15 minutos.

Maio: Trens das 10h às 15h todos os dias na semana. Nessas duas primeiras etapas de operação assistida não será cobrada tarifa dos usuários.

Junho: Trens todos os dias, das 4h à meia-noite, entre as estações Engenheiro Goulart, Guarulhos-Cecap e Aeroporto-Guarulhos.

Também começará a funcionar um novo serviço, o Connect, que sairá da Estação Brás até a Estação Aeroporto-Guarulhos somente nos horários de pico, sem a necessidade de baldeação na Estação Engenheiro Goulart. O trajeto terá cerca de 35 minutos, com o trem parando nas estações para embarque e desembarque. A tarifa vai custar R$ 4.

Julho: A previsão é que entre em operação o serviço Airport-Express que levará os usuários direto da estação Aeroporto-Guarulhos até a histórica Estação da Luz, onde há transferência para as linhas 7-Rubi e 11-Coral da CPTM e para as linhas 1-Azul e 4-Amarela do Metrô. O trajeto será realizado em cerca de 35 minutos e os trens partirão em 4 horários programados nos dois sentidos. A tarifa será diferenciada e o valor ainda está sendo definido.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.