Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Ataque a Bolsonaro vai ser investigado pela PF

Alex Rodrigues/Agência Brasil

Bolsonaro foi levado para o Hospital Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora(Reprodução/Twiter)

A Polícia Federal (PF) instaurou inquérito para apurar o ataque contra o candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro, ferido durante um ato de campanha, na tarde de hoje (6), em Juiz de Fora (MG).

Em nota, a PF confirmou que o homem suspeito de ter esfaqueado o candidato, Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, foi detido por populares e seguranças e conduzido por policiais federais para a Delegacia da Polícia Federal em Juiz de Fora (MG), onde está prestando depoimento. Antes de ser retirado do local, o suspeito chegou a apanhar de pessoas que acompanhavam o evento.

Bolsonaro era carregado por populares quando foi atingido por um objeto perfurante. Além de seguranças particulares, o candidato era escoltado por policiais federais que o levaram para o Hospital Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora.

Filho diz que facada atingiu fígado, pulmão e parte do intestino

O candidato Jair Bolsonaro (PSL) já foi operado e está sendo monitorado no momento, depois de ter sido esfaqueado em um ato de campanha. A informação foi dada pela assessoria parlamentar do político à Agência Brasil. O candidato passou por procedimento com uma equipe de 10 médicos na Santa Casa de Juiz de Fora (MG).

No Twitter, Flávio Bolsonaro, o filho do candidato, afirmou que o episódio “infelizmente foi mais grave do que esperávamos”. O filho de Bolsonaro deu informações acerca da extensão do dano e dos órgãos atingidos. “A perfuração atingiu parte do fígado, do pulmão e da alça do intestino. Perdeu muito sangue, chegou ao hospital com pressão de 10/3”, relatou.

Veja a baixo momento que Jair Bolsonaro é esfaqueado.

*atualizado às 19h28

A Polícia Militar de Minas Gerais identificou o autor do ataque contra Jair Bolsonaro como Adélio Bispo de Oliveira

Deixe seu comentário

avatar
  Se inscrever  
Notificação de
1
×
Fale agora com nossa equipe!