Criança de 10 anos estuprada interrompe gravidez

Justiça autorizou procedimento e a vítima segue internada.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

A menina de 10 anos, estuprada pelo tio desde os 6 anos de idade, passou por um procedimento na noite deste domingo (16) para retirar o feto. A informação foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco à Band.

(Arquivo/Allan Torres/Folha de Pernambuco)

A vítima está internada no Centro integrado de Saúde Amaury de Medeiros e o quadro de saúde é estável.

“Em relação ao caso citado, é importante ressaltar que há autorização judicial do estado do Espírito Santo ratificando a interrupção da gestação. É importante reforçar, também, que o Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam-UPE) é referência estadual nesse tipo de procedimento e de acolhimento às vítimas”, pontuou a secretaria, em nota.

Mesmo com a autorização judicial, tendo sido vítima estupro e ter apenas 10 anos, o Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (Hucam), em Vitória, no Espírito Santo, negou o direito ao aborto. A criança precisou ser levada para Recife para ter a gravidez interrompida.

A gravidez foi descoberta há pouco mais de uma semana, segundo reportagem do UOL, porque a garota foi levada ao hospital da cidade onde mora. O tio, suspeito de cometer o estupro, está foragido.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas