Carrefour destina lucro das lojas para projetos contra o racismo

Medida foi anunciada após cliente ser morto por seguranças da rede

O Carrefour anunciou hoje (20), após a morte de João Alberto Silveira Freitas em uma das unidades da rede, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, que vai destinar o lucro de todas as lojas do Brasil nesta sexta-feira para projetos que atuem para combater o racismo. A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo.

“Essa quantia, obviamente, não reduz a perda irreparável de uma vida, mas é um esforço para ajudar a evitar que isso se repita”, afirmou, em nota, a empresa.

Notíciasrelacionadas

Ainda segundo a reportagem, as lojas abrirão duas horas mais tarde neste sábado (21), para que, neste período, a rede possa reforçar com colaboradores diretos e terceirizados os valores da rede.

O Carrefour informou que rompeu o contrato com a empresa terceirizada de segurança, responsável pela loja onde o João Alberto foi morto.

Notícias relacionadas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eu concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade.

Orelhas & Tiaras

Mais - recentes

São Paulo