Exército faz buscas por jornalista e indigenista

Dupla está desaparecida desde domingo

O Comando Militar da Amazônia (CMA) divulgou uma nota na tarde desta terça-feira, 7, na qual ressalta as buscas pelo agente indigenista da Fundação Nacional do Índio (Funai) Bruno Pereira e ao jornalista britânico, colaborador do jornal ‘The Guardian’, Dom Phillips, desaparecidos desde o último domingo, 5, no Vale do Javari, interior do Amazonas, (distante 1.240 quilômetros de Manaus).

Conforme a nota, o CMA se juntou às ações contínuas de buscas emergenciais e humanitárias, desde o fim da tarde de segunda-feira, 6, por meios fluviais e terrestres, de forma ininterrupta, por meio da condução da 16ª Brigada de Infantaria de Selva com atuação de mais de cem militares.

Militares em embarcação do exército navegam por rio no Amazonas.
Militares navegam em direção à região do desaparecimento (Reprodução)

“Segue, de forma ininterrupta, empregando militares combatentes de selva da 16ª Brigada de Infantaria de Selva, sediada em Tefé-AM, que possui meios desdobrados na região do Javari. A 16ª Brigada de Infantaria de Selva tem conduzido as operações de Busca e Salvamento com, aproximadamente, 150 (cento e cinquenta) militares especialistas em operações em ambiente de selva que conhecem o terreno onde se desenvolvem as buscas“, informa um trecho da nota.

Segundo o documento, o 4° Batalhão de Aviação do Exército (4° BAvEx) também vai atuar em apoio à procura pela dupla com o deslocamento dos agentes da Polícia Federal. O CMA destacou, ainda, a existência do Hospital Militar na cidade de Tabatinga-AM, além de dois Pelotões Especiais de Fronteira (PEF), nas regiões de Palmeiras do Javari e de Estirão do Equador, à disposição, caso necessário.

“O 4° Batalhão de Aviação do Exército (4° BAvEx) somará a este esforço a capacidade aeromóvel, apoiando o deslocamento de agentes da Polícia Federal (PF) e agregando mobilidade às equipes interagências
na área de operações, por meio de um helicóptero (ainda em deslocamento para a área de busca). A integração e a sinergia, dentro de um ambiente interagências entre os diversos órgãos desdobrados, na área de busca, tem favorecido as ações de busca“.

Na final da tarde desta terça-feira, 7, o Comando Militar da Amazônia postou toda a movimentação dos combatentes e viaturas militares rumo ao município Atalaia do Norte

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.