Foragida: Justiça Nega Habeas Corpus à Viúva da Mega Sena

Renné Senna ao lado da esposa, Adriana, condenada pela morte dele. (Foto: Divulgação)

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro negou mais um pedido de habeas corpus da viúva da Mega Sena, Adriana Ferreira Almeida. Adriana foi condenada pela morte do marido, ganhador do prêmio milionário da loteria, Renné Senna.

O desembargador Claudio Tavares, da 8ª Câmara Criminal, do Tribunal de Justiça do Rio, não aceitou os argumentos da defesa. Em 2016, a Justiça impôs pena de 20 anos de prisão e a ordem de prisão foi expedida no mês passado, pelo juiz Pedro Amorim Gotlib Pilderwasser, da segunda Vara Criminal de Rio Bonito.

Notíciasrelacionadas

A decisão foi tomada porque o recurso de protesto da viúva por novo júri não foi aceito. A decisão foi mantida pela 8ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio, esgotando a discussão em segunda instância. A defesa de Adriana entrou com recurso especial, sem sucesso para suspender a decisão.

Adriana, a viúva da Mega Sena, considerada foragida, era casada com  Renné. Há 17 anos, o lavrador ganhou o prêmio principal da loteria, de R$ 52 milhões.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eu concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade.

Notícias relacionadas

Orelhas & Tiaras

Mais - recentes

São Paulo