Igreja Universal é Condenada a Indenizar Fiel

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

A 22ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) determinou que a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) indenize em R$ 40 mil, acrescidos de juros e correção monetária, um advogado que foi agredido com uma “gravata” e chutes por um segurança durante a realização de um culto na Catedral Mundial da Fé, em Del Castilho, Zona Norte da cidade. Os desembargadores negaram provimento ao recurso interposto pela Igreja, contestando a agressão, e parcial provimento ao recurso do autor do processo que, inicialmente, queria R$ 100 mil de indenização por dano moral.

Conforme a denúncia, o advogado frequentava a IURD em Brasília e, na viagem de férias ao Rio com a família, incluiu uma visita ao templo, atraído pela sua grandeza. O fiel fazia fotografias, sem a utilização do flash para não incomodar os presentes durante a oração, quando um pastor se posicionou à sua frente. Em seguida, foi atacado pelo segurança que o arrastou para fora do templo. Segundo ele, na agressão teve a camisa rasgada e retiraram, ainda, o filme da sua máquina.

A cena foi assistida por outros fiéis e pastores, que não intervieram mesmo quando a mulher do advogado pediu por ajuda.

Relator do processo, o desembargador Marcelo Lima Buhatem apontou em seu voto que: “Ressalte-se que a ré não nega a ocorrência do evento danoso, somente aduz que quem retirou o autor do interior do templo não foi um de seus prepostos, mas sim um dos fiéis que assistia ao culto e se sentiu incomodado com as fotografias”.

Para acrescentar em seguida que: “Outrossim, a ré não logrou êxito em comprovar que foi um dos féis que retirou o autor do templo, como alegado, ônus que lhe competia, na forma do art. 373, II, do CPC. Nesse contexto, ficando demonstrados a conduta ilícita, o dano e o nexo de causalidade, impõe-se a obrigação de indenizar prevista no art. 927 do Código Civil”. – concluiu o magistrado.

(Texto: Tj-RJ)

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Últimas - notícias

Orelhas & Tiaras

Play
Play
Play
previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Podcast

SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
As últimas notícias de São Paulo e do Brasil.
As manchetes dos principais jornais do país
by SPAGORA

Você vai ouvir na voz do repórter Paulo Édson Fiore as manchetes dos principais jornais brasileiros.

As manchetes dos principais jornais do país
Comandante da PM afasta policial após ele apreender carro de vereadora
As manchetes dos principais jornais do país