Luiza Trajano diz que não vai se candidatar em 2022

Apesar da afirmação Luiza Trajano, do Magalu, afirma que é uma pessoa política
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Luiza Trajano, do Magazine Luiza (TV Cultura)

A empresária Luiza Trajano afirmou que não vai se candidatar para os cargos políticos nas eleições de 2022. Em entrevista ao jornal Estado de S.Paulo, a presidente do conselho de administração do Magazine Luiza disse: “Te digo que está descartado eu participar de qualquer cargo político para eleição, mas quero deixar bem claro que eu sou política e penso no Brasil”.

Luiza acrescentou que continuará trabalhando politicamente por meio do grupo suprapartidário Mulheres do Brasil, que busca a inserção de mulheres na política, do qual é presidente. “Hoje, com um grupo de quase 100 mil mulheres, a gente vai assumir uma posição política apartidária para defender projetos e causas para o Brasil. Vamos fazer um planejamento estratégico de 2022 a 2032 nas áreas de educação, saúde, habitação e emprego”, disse.

O nome da empresária passou a ser citado entre possíveis candidatos à presidência da República após o lançamento do movimento Unidos pela Vacina, com objetivo de imunizar toda a população brasileira contra a Covid-19 até setembro deste ano. No último mês, Luiza entrou para a lista das 100 pessoas mais influentes do mundo da revista Time. Ela foi a única brasileira presente ao lado de nomes como Príncipe Harry e Meghan Markle, o presidente americano Joe Biden e sua vice Kamala Harris, o líder chinês Xi Jinping e o russo Alexei Navalny.

O texto sobre a trajetória da fundadora do Magazine Luiza foi assinado pelo ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT), que utilizou o espaço para evidenciar as ações sociais da empresária e criticar o governo sobre as medidas feitas durante a crise sanitária.

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas