Santos Cruz é demitido e general Ramos assume

É o terceiro ministro a deixar o Governo Bolsonaro.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Por Pedro Rafael Vilela 

General Carlos Alberto Santos Cruz é o terceiro a deixar o Governo Bolsonaro
(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O ministro Carlos Alberto dos Santos Cruz, que é general do Exército, deixará o comando da Secretaria de Governo. A saída foi definida no final da manhã de hoje (13), em reunião de Santos Cruz com Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, pouco antes do presidente embarcar para Belém, onde cumpre agenda de inauguração de casas populares.

Santos Cruz é o terceiro ministro a deixar a gestão Bolsonaro, após as demissões de Gustavo Bebianno (Secretaria Geral) e Ricardo Vélez Rodríguez (Educação). O porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros, informou que o substituto de Santos Cruz será o general de Exército Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira, atual comandante militar do Sudeste. Ramos também atuou como comandante da Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti e foi vice-chefe do Estado-Maior do Exército.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas