Sem saber que era gravado, Guedes diz que “chinês inventou o vírus”

Ministro da Economia também acha vacinas americanas melhores
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Paulo Guedes, ministro da Economia (Arquivo/Wilson Dias/Agência Brasil)

Paulo Guedes afirmou, nesta terça-feira (27), que “o chinês inventou o vírus”da Covid-19 e que a vacina da Pfizer é “melhor do que as outras”. O ministro da Economia participou de reunião do Conselho de Saúde Complementar, que foi transmitida pelas redes sociais sem que Guedes soubesse.

“O chinês inventou o vírus e a vacina dele é menos efetiva do que a americana. O americano tem 100 anos de investimento em pesquisa. Então, ‘os caras’ falam: ‘Qual é o vírus? É esse? Decodifica’. Está aqui a vacina da Pfizer, é melhor do que as outras”, disse.

Ao ser informado que o conteúdo estava sendo gravado, o ministro pediu que não mandassem ao ar. A transmissão foi excluída das redes sociais do Ministério da Saúde após finalizada a reunião.

Atualmente, a CoronaVac, vacina produzida a partir de acordo entre a farmacêutica chinesa Sinovac e o Instituto Butantan, foi aplicada em 80% dos brasileiros vacinados. 

Leia também: Estudo indica 50% de eficácia da CoronaVac contra a variante de Manaus

A compra de imunizantes da Pfizer pelo governo brasileiro passou por entraves. A farmacêutica alegou, em janeiro de 2021, que tentou negociar a venda de 70 milhões de doses, que seriam entregues em dezembro de 2020. Na época, o então ministro da Saúde Eduardo Pazuello disse que tinha ressalvas sobre a vacina, como a não responsabilização do laboratório por qualquer efeito colateral e a obrigação do governo brasileiro em fornecer material para diluir o imunizante.

A autorização para a compra de vacinas da farmacêutica só aconteceu em março de 2021.

O site da TV Cultura tentou contato com o ministério da Economia para falar sobre as declarações de Paulo Guedes, mas não obteve resposta.

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas