Vice-presidente da Câmara critica decreto de Bolsonaro que facilita compra de armas de fogo

Deputado diz que Jair Bolsonaro invadiu competência legislativa
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Marcelo Ramos (PL), vice-presidente da Câmara dos Deputados (Michel Jesus/Câmara dos Deputados)

O vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PL), disse que o presidente Jair Bolsonaro invadiu a competência do legislativo ao editar decretos que facilitam a compra de armas. Um deles permite até que as pessoas fabriquem munição em casa.

Ramos lembrou que o Estatuto do Desarmamento atribui ao Congresso qualquer alteração nas normas já aprovadas.

Entre outras mudanças, os novos decretos ampliam o número de armas que colecionadores e integrantes de clubes de tiro podem adquirir. Também autorizam a compra e instalação de equipamentos para produzir munição sem o controle do Exército.

No Rio de Janeiro, o Instituto Igarapé, especializado em Segurança Pública, classificou os novos atos como a continuação do desmonte da política de controle de armas e munições no país, e lembrou que o Brasil registra o maior número de mortes por armas de fogo no mundo.

Em São Paulo, o Instituto Sou da Paz também manifestou preocupação com as mudanças. Segundo Felippe Angeli, membro do instituto, já foram contabilizadas mais de um milhão de armas entre 2019 e 2020. “Todo esse arcabouço regulatório que está sendo destruído pela presidência da República facilita exclusivamente a venda ilegal de armas de fogo”, alerta.

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas