Recuperação judicial: Avianca cancela voos internacionais

Bogotá permanece como destino internacional da Avianca.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Por Luciano Nascimento 

(Avianca/Reprodução)

A Avianca informou hoje (17) que realizará o reembolso para os passageiros que compraram bilhetes de viagem para Santiago, no Chile, Miami e Nova York, nos Estados Unidos, em voos com saída de Guarulhos, São Paulo. A empresa, que se encontra em processo de recuperação judicial, anunciou o fim das operações para esses destinos a partir de 31 de março.  

Os clientes podem optar ainda por tentar viajar por outras companhias. A empresa disse que entrará em contato com os clientes que compraram voos posteriores à data mencionada para resolver cada caso individualmente.

Apenas Bogotá permanece como destino internacional atendido pela Avianca. Em nota, a empresa anunciou que os outros destinos contemplados continuam em operação normal.



“A empresa segue focada em garantir a sustentabilidade do negócio e em manter a excelência do atendimento, que está em seu DNA. Reforça que todos os demais 26 destinos estão preservados e que continua operando normalmente, com mais de 240 voos diários”, explicou.

Dívidas

Quarta maior companhia aérea do país, a Avianca tem dívidas que somam quase R$ 500 milhões, chegando a devolver em dezembro do ano passado duas aeronaves Airbus A330 para as empresas de arrendamento.

Na segunda-feira, o processo de recuperação judicial, que tramita na 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo, foi suspenso após uma audiência de conciliação entre representantes da companhia aérea e arrendadores de aeronaves. Na ocasião, foi definida a suspensão das ações de reintegração de posse até o próximo dia 1º de fevereiro.

Até o dia 31 de janeiro, a empresa deve apresentar proposta para o pagamento de dívidas vencidas até essa data. Durante a audiência, a empresa também disse que realizará o pagamento das parcelas do leasing das aeronaves que vão vencer a partir de 1º de fevereiro.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas