Sobe para 58 os mortos em Minas; ônibus é encontrado na lama

Ainda não se sabe quantas vítimas estavam no ônibus.

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais confirmou no começo da noite deste domingo (27) que o número de pessoas mortas com o rompimento da barragem subiu para 58. Outras 305 pessoas ainda estão desaparecidas.

Outro ônibus foi localizado bem perto do local onde houve o rompimento. Ainda não se sabe quantos passageiros estavam no local.

Notíciasrelacionadas

Desaparecidos

O coordenador da Defesa Civil de Minas, tenente-coronel Flávio Godinho, explicou que o número de desaparecidos aumentou, pois mais nomes foram incluídos na lista em relação a que foi divulgada pela manhã.

De acordo o tenente Pedro Aihara, porta-voz dos bombeiros, as equipes elencaram 14 áreas prioritárias de busca, entre elas locais onde estão soterrados uma locomotiva, uma pousada, ônibus e o refeitório da mineradora Vale, onde a maioria dos funcionários estava na hora do rompimento da barragem.

Os bombeiros ainda trabalham com a possibilidade de encontrar sobreviventes. Mas o porta-voz admite que alguns corpos poderão não ser encontrados.

As equipes interromperam as buscas durante o dia de hoje, após alerta de que uma segunda barragem, neste caso de água, corria risco de rompimento por causa do aumento do nível. As sirenes foram acionadas de madrugada pela Vale e moradores orientados a deixar suas casas. No meio da tarde, a Defesa Civil descartou o risco e os bombeiros retomaram as buscas.

*com informações da Agência Brasil

*Atualizado às 21h50

[masterslider id=”32″]

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eu concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade.

Notícias relacionadas

Orelhas & Tiaras

Mais - recentes

São Paulo