Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Carapicuíba tem teatro infantil gratuito sexta e sábado

(CCR/Divulgação)

O projeto Teatro a Bordo – Caixola de Histórias estaciona em Carapicuíba com programação Cultural gratuita para toda a comunidade. O caminhão-palco é apresentado na cidade pelo Ministério da Cidadania e o Instituto CCR, com o apoio da CCR ViaOeste, concessionária que integra o Programa de Concessão de Rodovias de São Paulo. Na sexta-feira, 07 de junho, o projeto itinerante passará por escolas e, no sábado, estará no Terminal Intermunicipal da Vila Menck. As sessões são apresentadas por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Completando onze anos de estrada e mais de 300 cidades visitadas, o projeto de teatro itinerante percorrerá milhares de quilômetros neste ano para contar histórias recolhidas nas cinco regiões brasileiras. O Teatro a Bordo – Caixola de Histórias é equipado com palco embarcado em um contêiner, tenda para abrigar a plateia, banquinhos, além de ter como diferencial equipamentos de som e sistema de luz abastecidos com eletricidade solar.

Toda a programação do Teatro a Bordo – Caixola de Histórias foi pensada para contemplar os pequenos. Na sexta, estão previstas animadas apresentações nas escolas, com oficinas de confecção de bonecos e de contação de histórias.  Sergio Ribeiro, gestor de Comunicação da CCR ViaOeste e CCR RodoAnel, explica que as atividades são uma preparação para para as apresentações abertas ao público, no sábado. “A proposta é que as famílias de Carapicuíba e região tenham a oportunidade de desfrutar gratuitamente de um final de semana com programação cultural de alta qualidade, o que reflete diretamente na formação cidadã das pessoas”, ressalta Sergio.  

A trupe de artistas do Teatro a Bordo criou seu novo espetáculo: ‘Caixola de Histórias’ pensando na diversidade cultural do Brasil. A equipe utiliza técnicas do teatro de animação, sombras,  música ao vivo e o improviso tradicional da commedia dell’arte para encenar pequenas histórias que retratam o misticismo indígena, a resistência do povo,  a força da natureza e a alegria das festas populares. “Retratar histórias das cinco regiões do país ainda não foi suficiente para mostrar a força da cultura popular. Pensamos então em trazer o público para a cena, onde a participação de todos se faz necessária para o desfecho da peça, tornando o espetáculo ainda mais vivo”, destaca a produtora Talita Berthi.

Para finalizar a montagem, homenageando a cidade onde o contêiner-palco está estacionado, uma nova cena será criada com base nos registros da memória popular local coletados em uma oficina de contação de histórias, que acontecerá no primeiro dia do projeto na cidade. A oficina é aberta a educadores, artistas e interessados (confira mais detalhes abaixo).

O projeto Teatro a Bordo – Caixola de Histórias é apresentado pelo Ministério da Cidadania e Instituto CCR, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, com o apoio da CCR ViaOeste, em uma realização da BERTHI Produção e Arte e apoio local da Prefeitura Municipal de Carapicuíba e da ARTESP (Agência Reguladora de Transportes de São Paulo).

Programação 

As atividades não se restringem apenas ao local onde o contêiner-palco estaciona. Assim como faz o circo em sua chegada, os artistas realizam cortejos pela cidade e intervenções nas escolas públicas um dia antes, com brincadeiras e informações sobre a programação, além de atividades formativas com crianças e educadores. Depois, o contêiner se transforma em palco para as apresentações gratuitas e abertas ao público. Confira!

Serviço

Carapicuíba/SP

Local: Terminal Intermunicipal da Vila Menck (Av. Marginal da Cadaval, s/n – Vila Menck)

Dia 07 de junho – sexta-feira (Atividades nas Escolas)

08h30 às 15h00 –  CORTEJO DE CHEGANÇA DOS ARTISTAS NAS ESCOLAS

15H00 – OFICINA DE CONFECÇÃO DE BONECOS BRINCANTES

18H30 – OFICINA DE CONTAÇÃO DE  HISTÓRIAS* NO ESPAÇO CULTURAL (Av. Teixeira Lotti, 1172 – Vila Isa)

*Quem tiver interesse em participar da Oficina de Contação de Histórias precisa enviar um e-mail com nome e telefone para oficina@teatroabordo.com.br (idade mínima de 18 anos).

Dia 08 de junho – sábado (Apresentações na Praça)

11h00 –  CORTEJO DE CHEGANÇA DOS ARTISTAS NO BAIRRO

16H00 – TEATRO “SESSÃO SOLENE – A PRINCESA E O GIGANTE”

17H00 – APRESENTAÇÕES DOS ARTISTAS DA CIDADE

19H00 – SESSÃO DE VÍDEO

19H30 – TEATRO “CAIXOLA DE HISTÓRIAS”               

Sinopses

CORTEJO DE CHEGANÇA 

A caravana do Teatro a Bordo se reúne na praça da cidade com sua trupe de artistas e faz um cortejo pelas escolas e ruas da cidade para convidar o público a participar das jornadas de atividades gratuitas.

OFICINA DE CONFECÇÃO DE BONECOS BRINCANTES

De maneira descontraída, os oficineiros ensinam como fazer um boneco brincante de forma artesanal, utilizando materiais recicláveis como papelão, tampinhas de garrafa plástica, além de cordas e tecidos. Ao final, uma história coletiva com os bonecos confeccionados será criada e encenada junto a todos os participantes da oficina.

OFICINA DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

Para registrar o imaginário popular local, captar ideias, fatos, histórias e personagens, os educadores e artistas da cidade são convidados a participar de uma oficina de contação de histórias com os atores do espetáculo. Ao final, serão selecionadas cenas e personagens que farão parte do espetáculo a ser apresentado na praça. Quem tiver interesse em participar da Oficina de Contação de Histórias  precisa enviar um e-mail com nome e telefone para oficina@teatroabordo.com.br  (idade mínima de 18 anos).

SESSÃO SOLENE – A PRINCESA E O GIGANTE

Espetáculo de Teatro. Duração de 50min.

Dois amigos divertem a plateia com fatos e personagens do imaginário popular e contam a saga de uma princesa que encontrou um gigante. Com Douglas Zanovelli e Leo Porto.

CAIXOLA DE HISTÓRIAS

Espetáculo de teatro. Duração de 60min.

Exaltando a cultura de todas as regiões do Brasil, uma caixa de aço mágica se revela uma personagem dotada de memória. Com a ajuda de uma trupe de artistas, esta Caixola passeia por suas histórias e precisa ‘abocanhar’ um conto local para seguir viagem. Com Cida Cunha, Douglas Zanovelli, Edivaldo Costa, Juliana Lima e Leo Porto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by