Atividade da indústria paulista fica estável em agosto

Horas trabalhadas e utilização da capacidade instalada caíram.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Por Elaine Patrícia Cruz

(Arquivo/Agência Brasil)

O nível de atividade da indústria paulista manteve-se estável em agosto em comparação a julho, na série com ajuste sazonal. Sem o ajuste, a alta foi de 3,1%.
 
Segundo o Indicador de Nível de Atividade (INA), divulgado hoje (1º) pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), a estabilidade se deveu à variação positiva das vendas reais, que cresceram 0,1% e pelos resultados negativos nas horas trabalhadas na produção (-0,2%) e no nível de utilização da capacidade instalada (-0,2 pontos percentuais).
 
Já o Sensor ficou abaixo da linha de estabilidade, indicando queda moderada da atividade industrial no estado. O índice ficou em 49,5 pontos, abaixo dos 50 pontos, valor que demonstra a expectativa de melhora das condições de mercado.

“Alguns estímulos dados como a liberação de recursos do FGTS e PIS-Pasep não serão suficientes para uma retomada mais consistente da atividade econômica em razão da deterioração do quadro externo”, disse José Ricardo Roriz Coelho, 2º vice-presidente da Fiesp.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas