Operação cumpre 15 mandados de prisão contra o tráfico

Ação investiga também lavagem de dinheiro
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e o 11º Batalhão de Ações Especiais (Baep) da Polícia Militar de São Paulo cumpriram hoje 15 mandados de prisão temporária e 22 de busca, como parte da Operação Garatéia, que visa desarticular uma organização criminosa que atua no tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. Os alvos da operação são suspeitos de integrar facção que atua dentro e fora dos presídios e distribui drogas no Jardim João Rossi, na zona sul de Ribeirão Preto.

De acordo com o Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP), as investigações estão em andamento desde o segundo semestre do ano passado. O grupo é conhecido por ter uma estrutura de vigilância com olheiros e dispositivos de comunicação para impedir as ações policiais. As investigações mostraram que há uma hierarquia parecida com a de uma empresa e que grande parte dos vendedores são adolescentes, que eram apreendidos, mas muitas vezes voltavam para a atividade no mesmo dia.

“Os criminosos da região, abastecendo pontos de tráfico em áreas nobres da cidade, disponibilizavam kits com drogas, isqueiro e material para facilitar o consumo pelos usuários. O bairro é famoso por sua movimentação frenética, principalmente nas primeiras horas ou no fim do dia”, disse o promotor do Gaeco, Frederico Camargo.

Segundo o  promotor, o local investigado “é um bairro de classe média alta, socialmente estruturado, com shopping centers, faculdades, bares e bairros nobres no entorno e é frequentado por usuários de drogas dessa classe social. Camargo acrescentou que as investigações continuam e que o objetivo é o de atingir o patrimônio da rede de tráfico de drogas. A prioridade da operação foi a apreensão de documentos, patrimônio e armas de fogo. Três armas foram recolhidas.

Por Flávia Albuquerque – Repórter da Agência Brasil

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas