Bombeiros procuram última vítima desaparecida no litoral

Bombeiros seguem as buscas e 247 pessoas ainda estão desabrigadas.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

O Corpo de Bombeiros procura pela última vítima desaparecida no litoral sul de São Paulo, após a forte chuva que provocou deslizamentos de terra no dia 3 de março. Segundo a Defesa Civil do Estado de São Paulo, as buscas estão concentram na Barreira do João Guarda, onde, segundo a moradores, vivia o desaparecido.

O número de desaparecidos, que chegou a mais de 40 pessoas, caiu depois de o Estado fazer um cruzamento de dados com informações municipais e do SUS. Desta forma, as autoridades descobriram que as pessoas que eram consideradas desaparecidas não estavam no local das tragédias no dia da chuva, e estão vivas.

Mortes



O temporal que provocou deslizamentos no Litoral Sul matou 44 pessoas, incluindo dos bombeiros que faziam o resgate de vítimas quando foram soterrados. O Guarujá foi a cidade com maior número de mortos: 33 e 1 desaparecido até o momento.

Santos registrou 8 mortes e São Vicente 3.

Segundo a Defesa Civil Estadual, ainda há 121 desabrigados no Guarujá e 226 em Santos.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *