Médicos são presos no interior de SP em fraude de processos trabalhistas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Dois médicos foram presos nesta terça-feira (26), pela Polícia Civil em São Roque (SP) em desdobramento da Operação Hipócritas.

A prisão expedida pelo Ministério Público Federal e aceita pela Justiça Federal de Campinas, também prendeu um médico em Sorocaba (SP).

Iniciada em 2016, as equipes de investigação da operação acompanhavam ação dos dois médicos que  trabalharam como peritos da Justiça do Trabalho na região de Campinas e que estariam articulando versões falsas sobre valores de propinas em que receberam em um esquema de laudos médicos manipulados desde 2007

Na Justiça os dois médicos respondem  pelo crime de corrupção passiva por suposto recebimento de vantagens em processos trabalhistas. Se condenados, a soma das penas poderá chegar a 100 anos de reclusão.

A Polícia informou que a prisão dos dois médicos nesta terça ocorreu com a  colaboração premiada de outro investigado no esquema. A investigação acredita que houve corrupção em mais de mil perícias em processos trabalhistas nos últimos 10 anos.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *