CPTM anuncia leilão de trens antigos

Será o primeiro leilão do ano
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Reprodução)

A CPTM realiza o primeiro leilão de materiais inservíveis do ano dia 26 de fevereiro. Os leilões de materiais usados da CPTM, como trens antigos e fora de uso e sucata, já são bastante tradicionais no meio ferroviário – são cerca de quatro por ano, onde são negociados grandes lotes de dormentes, trilhos e outros materiais que em sua grande maioria são destinados à indústria de reciclagem. A previsão é que a CPTM arrecade nesse leilão cerca de R$ 10 milhões com a venda de todos os lotes.

Em 2020, a companhia inovou os leilões com lotes compostos de apenas um carro ferroviário, visando atrair colecionadores e empresas interessadas em espaços comerciais inspirados no tema ferroviário. Em 2021, a CPTM manterá a prática com 15 lotes com carros ferroviários unitários com lance mínimo de R$ 43.592,00 cada lote.

Serão sete lotes com composições do antigo modelo 1700, que prestou serviço na Linha 7-Rubi entre 1987 e 2019, era conhecido como um dos mais rápidos da época e tinha o espaço interno como um dos principais diferenciais.

Já o modelo 2100, da fabricante espanhola CAF e que foi adquirido pela CPTM em 1998, fará parte de oito lotes. O modelo atendeu a Linha 10-Turquesa até 2019, quando a CPTM modernizou a frota da linha para trens das séries 7000 e 7500, mas alguns trens do modelo 2100 ainda circulam pela linha, atendendo o Expresso 10.

Por Gov. do Estado de SP

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas