Mais da metade da vegetação do Parque Juquery foi destruída pelo fogo

fogo pode ter começado com a queda de um balão, diz Prefeitura de Franco da Rocha
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Pref. de Franco da Rocha/via Fotos Públicas)

O combate ao incêndio que atingiu o Parque Estadual do Juquery, na Grande São Paulo, continuou ao longo da manhã de hoje (23), mobilizando o Corpo de Bombeiros, brigadistas e voluntários. Segundo a prefeitura de Franco da Rocha, que participa do enfrentamento ao fogo, as chamas, ainda ontem (22), já haviam consumido mais da metade da vegetação do parque.

O Juquery tem área de quase 2 mil hectares de Cerrado. É o último fragmento desse bioma na Região Metropolitana de São Paulo. A área de conservação foi criada em 1993 entre os municípios de Caieiras e Franco da Rocha.

De acordo com a Prefeitura de Franco da Rocha, o fogo pode ter começado com a queda de um balão na manhã de ontem. Para combater as chamas, foi utilizado até um helicóptero da Polícia Militar que lançou água retirada da Represa Paiva Castro.

O fogo fez com que animais silvestres fugissem da área e invadissem rodovias próximas. A fumaça e as cinzas do incêndio chegaram até a região central de Franco da Rocha e também a outros municípios, incluindo a capital paulista.

(Pref. de Franco da Rocha/via Fotos Públicas)

Por Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil 

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas