Virada Inclusiva agita mais de 50 cidades no Estado

São mais de 300 atrações até terça feira.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Por  Bruno Bocchini 

(Arquivo/Fernando Frazão/Agência Brasil)


A 10ª edição da Virada Inclusiva terá mais de 300 atrações no estado de São Paulo até a próxima terça-feira (3), quando é comemorado o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. Os eventos ocorrerão em mais de 50 cidades do estado. Estão programadas atividades culturais, esportivas e de lazer.

Segundo a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, a virada tem o objetivo de mobilizar a participação plena das pessoas com deficiência e também de promover o debate sobre seus direitos culturais.

“Cada vez mais pessoas estão aderindo a causa da inclusão da pessoa com deficiência como um movimento de ressignificação da sociedade e de mudança de paradigma”, destacou a secretária dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, Célia Leão.

Na capital, a programação ficará concentrada no Parque da Água Branca, na zona oeste da capital. O espaço contará com apresentações artísticas, culturais, grupos de cultura popular, rodas de conversa, palestras, mostra de artesanato e culinária. 

No sábado (30) e domingo (1º) uma Arena Paralímpica estará aberta para a população no parque. A ideia da ação, realizada em parceria com o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), é aproximar o paradesporto da sociedade. Haverá áreas específicas para experimentação sensorial das seguintes modalidades paralímpicas: basquete em cadeira de rodas, futebol de 5, atletismo, tênis de mesa e bocha.

Ainda no domingo, ocorre a caminhada A Paz É o Caminho: Caminhada pela Vida, atividade que terá como ponto de partida a Praça Cívica do Memorial da América Latina, na Zona Oeste, e o final no Parque da Água Branca.

Nas cidades do interior do estado, ações culturais inclusivas para pessoas com e sem deficiência ocorrerão em parques, ruas, praças, museus, teatros, salas, centros culturais, bibliotecas e outros espaços coletivos. 

A programação completa pode ser vista no site do evento.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas