Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Definidas regras para entrar com animais no Metrô e no Ônibus

(Governo do Estado de São Paulo/Reprodução)

O Governo do Estado de São Paulo sancionou o Projeto de Lei, aprovado na Assembleia Legislativa, que regulamenta o transporte de animais domésticos de pequeno porte nos trens do Metrô, da CPTM e em ônibus intermunicipais da EMTU.

A terapeuta holística, Cecília Reis, comemorou a liberação de pets no Metrô e na CPTM. Ela e a sua cachorrinha Persephone passearam pela primeira vez no transporte público de São Paulo. “Tenho moto. Ficava impossível levar ela passear. Podendo andar com ela no Metrô, vai facilitar muito nossas vidas. A Persephone não vai mais parar em casa”, brinca.

(Governo do Estado de São Paulo/Reprodução)

Pelas novas regras, os animais devem pesar no máximo 10 quilos e ser acomodados em container próprio para este tipo de transporte, sempre fora dos horários de pico, ou seja: das 4h40 até as 6h; das 10h às 16h e das 19h até meia-noite. O animal só poderá ser transportado em horários de pico, excepcionalmente, em caso de agendamento de ato cirúrgico, mediante apresentação de solicitação formal assinada pelo médico veterinário.



Esse traslado deverá ocorrer sem prejudicar a comodidade dos passageiros e terceiros, sempre observada a proibição do transporte do animal que, por sua ferocidade, peçonha ou saúde, provoque desconforto ou comprometa a segurança do veículo e das pessoas presentes. A Lei, sancionada pelo governador em exercício Rodrigo Garcia, começa a valer a partir da data da publicação no Diário Oficial do Estado.

1
×
Fale agora com nossa equipe!