Ex ajudante de bar fatura R$ 200 mil com franquia de publicidade em saco de pão

Empreendedor impulsionou resultados mesmo durante a pandemia
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Divulgação)

Aos 16 anos, Gilsemir Pereira começava o seu primeiro emprego no bar do tio em uma praia. Depois de se formar na faculdade de administração e cansado de ser empregado, o empresário decidiu que era hora de dar um passo adiante. Pensando nisso, apostou em uma franquia da PremiaPão, rede especializada na comercialização de espaços publicitários em sacos de pão, e hoje fatura R$20 mil por mês.

“Eu já não me sentia mais satisfeito como empregado. Trabalhei na praia, em loja, em agência e mais de dez anos em banco vendendo produtos financeiros e percebi que aquilo não me dava mais prazer”, conta Gilsemir.

Formado em administração, decidiu embarcar em uma pós- graduação de marketing, em busca de algo que o completasse. Durante as aulas conheceu pessoas novas com visões diferentes, mas foi na aula de empreendedorismo que entendeu o que realmente queria fazer.

“Depois de montar um plano de negócios para a pós-graduação, me senti animado e comecei a pesquisar uma forma de empreender. Quando vi o anúncio da PremiaPão, pensei que era um sorteio e me cadastrei. Um tempo depois recebi um e-mail com as informações da franquia para continuar meu cadastro. Fui pesquisar mais um pouco e vi que era uma nova rede com um modelo que eu poderia empreender enquanto trabalhava no banco. Fechei o negócio e comprei a franquia!”, conta animado.

Em poucos meses, Gilsemir já havia montado suas primeiras campanhas e fechado os primeiros clientes. Satisfeito, percebeu que poderia seguir só como empreendedor. Pediu demissão no banco e começou a se dedicar somente a PremiaPão. Depois disso, os resultados com a franquia só cresceram.

“Hoje eu tenho um sócio, que também tem uma unidade da mesma marca. Nossos resultados têm sido muito surpreendentes,  principalmente agora na pandemia”, completa.

Depois de três anos de atuação com publicidade em sacos de pão, ele ressalta que a maior felicidade em trabalhar com a rede é quando aquela publicidade alcança alguém e muda a vida dessa pessoa. Também valoriza a importância do suporte da franqueadora para o crescimento da unidade.

“Nosso sucesso se deve a toda estrutura da PremiaPão, desde o fundadores, o suporte,  os designers e até os fornecedores. Todos se dedicam muito para que possamos alcançar nosso objetivo. A minha maior satisfação é ver nossos parceiros e clientes satisfeitos com o resultado das campanhas”.

Para o futuro, Gilsemir espera ampliar seus parceiros e conseguir contratos com grandes marcas. Em 2020, mesmo com a pandemia, a unidade faturou cerca de R$240 mil, uma média de R$21 mil por mês. E para quem está em dúvida deixa um recado:

“O sucesso é uma decisão! Tenho uma pulseira com esses dizeres que ganhei da PremiaPão após minha primeira campanha e levo ela comigo todos os dias. Empreender é acertar e errar. Então, se você quer empreender,  faça de coração e dê sempre o seu melhor para ajudar seus clientes e parceiros. O resultado será consequência”, finaliza.

Sobre a empresa

Criada em 2015, a PremiaPão é uma rede de franquias que comercializa espaços publicitários em sacos de pão. Com mais de 100 unidades espalhadas entre cidades do interior e capitais, a rede opera exclusivamente em modelo home based. Os franqueados são responsáveis pela prospecção de anunciantes locais. Ao todo, cada saquinho comporta 36 propagandas do tamanho de um cartão de visitas. O investimento inicial para adquirir uma franquia é de R$10 mil, com faturamento médio de R$17 mil e prazo de retorno de três a seis meses.

*AI

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas