‘A Andarilha’ é atração da Virada Sustentável de São Paulo

Trilha sonora é executada ao vivo e apresentação será presencial
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Divulgação)

O coletivo Rainhas do Radiador participa da 11ª Virada Sustentável de São Paulo com uma apresentação gratuita, em formato presencial, do espetáculo “A Andarilha”, no Centro Cultural São Paulo. A apresentação será neste sábado (04), às 14:30.

O espetáculo traz a história da palhaça Rufina, que ao se deparar com a constante tarefa de cuidar e distrair seu bebê, executa um verdadeiro espetáculo de circo com números de malabares, acrobacia, equilíbrio, dança, música e mágica. Com atuação de Aline Hernandes e direção de Dagoberto Feliz, a peça conta com trilha sonora executada ao vivo por uma sanfona, que a todo momento interage com a palhaça e os choros do bebê, divertindo a plateia com as vivências e trapalhadas de uma mãe e seu filho, em uma viagem fantástica repleta de sensações e experiências.  

Muito carismática, Rufina tenta incansavelmente lidar com os desafios de ter um bebê e desperta no público diversas sensações e sentimentos ligados a essa temática. Um espetáculo cômico, trágico, desesperador, sensível e fantástico. 

Figura bastante particular, a palhaça representa os migrantes em constante busca por um lugar, enquanto o carrinho de bebê que ela leva consigo é o símbolo deste constante deslocamento e o cerne de sua identidade. 

“A Andarilha está constantemente em busca de um lugar para habitar, sempre com seu carrinho, que se torna o seu universo, como uma metáfora. Dele ela retira todo um mundo, repleto de memórias, relíquias, fragilidades, sentimentos e brincadeiras”, explica Aline Hernandes. 

Fundado em 2017, Rainhas do Radiador é um coletivo formado por Loi Lima, Aline Hernandes e Ana Pessoa, que tem a palhaçaria e comicidade física feminina como fio condutor de sua pesquisa, tanto no circo presencial, como nas produções audiovisuais, tendo lançado recentemente três web-séries em parceria com o SESC-SP: “Heroínas: Trajetórias Mitológicas de uma Quarentena”, “Conhecendo o Circo” e “Hoje tem circo, tem sim senhor(a)!” 

Tem no repertório os espetáculos “A Andarilha”, “Quizumba” e se prepara para estrear “Raiow Rainhas”, baseado na Luta Livre, modalidade que ficou popularmente conhecida no Brasil na década de 80 graças ao programa Gigantes do Ringue, apresentado pelo lutador profissional Michel Serdan, com quem o coletivo realizou treinamento específico sobre a técnica.

SERVIÇO:

  • Quando: 04 de setembro de 2021 (sábado)
  • Horário: 14:30
  • Onde: Sala Jardel Filho – Centro Cultural São Paulo
  • Endereço: Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso, São Paulo – SP, 01504-000
  • Telefone: (11) 3397-4002
  • Classificação Livre
  • Acessibilidade: Libras
  • Ingressos Grátis
    (Retirada de ingressos na bilheteria e lotação da sala de acordo com os protocolos vigentes no dia.)

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas