Record Tv não exibirá mais o jornalístico ‘SP Record’

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Carla Cecato estreou no ‘SP Record’ em julho de 2017, após oito anos no comando do ‘Fala Brasil’(Foto:Divulgação)

A partir de 29 de janeiro a Record TV não exibirá mais o programa ‘SP Record’, apresentado por Carla Cecato. No lugar do jornalístico local, a emissora de Edir Macedo veiculará uma versão estendida do ‘Cidade Alerta’ – policial comandado por Luiz Bacci –, que agora terá três horas de duração.

De acordo com a coluna Flávio Ricco, com as mudanças, após a exibição do ‘Cidade Alerta’, Bacci entregará a audiência para as novelas bíblicas ‘Os Dez Mandamentos’, seguida de ‘Apocalipse’ e, depois, ‘Jornal da Record’.

Carla estreou à frente do ‘SP Record’ em julho de 2017, após oito anos no comando do ‘Fala Brasil’. Durante os seis meses em que esteve no ar, o programa teve como propósito a abordagem de pautas diversas, trabalhando com um tema por dia, ocupando 40 minutos na grade de São Paulo.

Na época do lançamento, a emissora reuniu a imprensa em seus estúdios no Rio de Janeiro para apresentar os investimentos realizados no núcleo jornalístico. Além de Carla Cecato, o canal colocou as jornalistas Lívia Mendonça e Patrícia Abreu para comandar os programas locais ‘RJ Record’ e ‘BA Record’, respectivamente.

Em entrevista à reportagem do Portal Comunique-se no lançamento da programação, Carla Cecato se mostrou otimista em relação ao programa agora descontinuado. “Acredito muito no formato em que a Record decidiu apostar. É diferente de tudo que está no ar atualmente. Teremos espaço para falar de diversas pautas como cultura, entretenimento, serviço e economia”, disse a jornalista na ocasião.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas