Brasil enfrenta Paraguai fora de casa pelas Eliminatórias da Copa

Com muita agitação nos bastidores, técnico Tite quer foco no jogo
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Na noite desta terça-feira (8), a partir das 21h30, no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, a seleção brasileira enfrenta o Paraguai pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 no Catar. Com cinco jogos realizados até o momento, a equipe nacional lidera o torneio com 15 pontos.

Mas nem mesmo a boa fase vivida dentro de campo traz tranquilidade para o técnico Tite e os jogadores. Na verdade, o ambiente é bastante turbulento. Antes da viagem para a capital paraguaia, ainda em Porto Alegre, na segunda-feira (7), o comandante verde e amarelo teve que responder diversas perguntas sobre a queda do presidente da CBF, Rogério Caboclo, ocorrida no domingo (6), envolvido em denúncias de abuso à uma funcionária da Confederação, e sobre a Copa do América, prevista para começar no próximo final de semana no Brasil.

“Tem sido bastante difícil. É um movimento social. Nós temos compreensão disso. As pessoas acham que nós devemos ter opinião sobre tudo. Enquanto, na verdade, nós devemos ter opinião sobre o futebol. Nós devemos ter o nosso lugar de fala sobre aquilo que nós diz respeito, o futebol. Isso a gente faz com muito amor. É claro que não é fácil manter o foco. Só que esse grupo todo vem tendo uma inteligência emocional muito grande para filtrar tudo que vem ocorrendo e focar apenas no jogo. Isso já ocorreu na partida do Equador e tem que ocorrer novamente nesta terça-feira contra o Paraguai”, comentou o técnico Tite em coletiva.

Em relação à partida, o retrospecto recente do Brasil, jogando como visitante contra o Paraguai, não é bom. A equipe nacional não vence no país vizinho desde 1985. Na ocasião, o placar foi 2 a 0, com gols de Casagrande e Zico. “Tem um grau de dificuldade muito grande, sim. Sabemos da qualidade da equipe adversária. E jogando dentro de casa eles se tornam ainda mais fortes. O desafio é grande”.

Na conversa com os jornalistas, o treinador não quis revelar oficialmente o time que vai a campo nesta noite. Uma provável escalação da seleção brasileira tem Alisson, Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Douglas Luiz e Éverton Ribeiro; Richarlison, Gabriel Barbosa e Neymar.

Rádio Nacional acompanha a partida ao vivo a partir das 21h com narração de André Luiz Mendes, comentários de Mario Silva e Bruno Mendes, que também trará as informações do plantão.

Por Juliano Justo, repórter da Agência Brasil

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas