Cascavel atropela Magnus e conquista a Liga Nacional de Futsal pela 1ª vez

Cascavel fez 6 a 0 só no primeiro tempo e entrou para a história da competição

O clima antes da partida já dava sinais de como o Cascavel ia entrar em quadra. Com o ginásio lotado, a torcida estava pilhada e não parou de gritar nem por um segundo. Foi assim que os jogadores atuaram na final. O time venceu por 6 a 0, com todos os seis gols marcados na primeira etapa, e conquistou o título da Liga Nacional de Futsal pela 1ª vez em sua história.

Destaque da partida, e de toda campanha do Cascavel, foi Roni, que marcou dois gols na decisão e se consolidou como o artilheiro da competição.

O Magnus, que já tinha perdido a partida de ida, precisava de uma vitória para levar a disputa do título para a prorrogação.

Jogadores do Cascavel comemoram diante da torcida, que aparece ao fundo da quadra
(Cascavel/via TV Cultura)

Mas, em nenhum momento, levou perigo para o gol do Cascavel. Pelo contrário, sentiu a pressão do ginásio o tempo todo.

O resultado é histórico. O Cascavel conquista o seu primeiro título da Liga Nacional de Futsal e coloca Santa Catarina de volta ao topo do futsal brasileiro.

Sobre o jogo

O Cascavel não deu um fio de esperança para o Magnus, uma das principais forças da Liga nos últimos anos. O primeiro gol saiu com menos de um minuto de jogo com Dieguinho. O tento nos primeiro segundo inflamou a torcida, que começou a cantar ainda mais alto.

Mesmo com a vantagem no placar, o Cascavel manteve todo o controle do jogo. Então, não demorou muito para o placar ser ampliado. Gustavinho arriscou de longe e acertou um belo chute para fazer o segundo da partida.

Foi neste momento que Roni entrou em ação e mostrou porque foi eleito o craque da competição. Com 11 minutos de jogo, ele recebeu uma bela bola e empurrou para o gol.

A grande atuação dos donos da casa e a pressão do ginásio abalaram o psicológico do Magnus. Foi possível ver isso no quarto gol do jogo, quando o time fez um gol contra. A bola estava indo para trás, mas Gabriel tocou contra a própria meta.

Para tentar manter a posse de bola, o técnico de Magnus adotou a estratégia de goleiro linha. Na teoria, deixaria o time mais ofensivo e ia segurar a bola no campo ofensivo. Mas, na prática, a equipe ficou ainda mais exposta. Em sequência, Roni marcou o quinto e André Deko o sexto.

Com a vantagem no placar, o segundo tempo foi de administração por parte do Cascavel. O Magnus chegou a criar algumas oportunidades, mas nada que pudesse mudar os números no placar.

Cascavel se torna campeão com um placar agregado de 9 a 1. O domingo será de festa na cidade.

Por TV Cultura

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.