Conquista do Corinthians ratifica o crescimento do Futebol Feminino no Brasil

Este foi o sexto título desde a retomada do investimento do clube no futebol feminino, em 2016.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

O título brasileiro conquistado no último domingo pela equipe do Corinthians, com uma vitória por 4 a 2 sobre o Avaí/Kindermann, na Neo Química Arena, coroou não só uma campanha brilhante, com 18 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota em 21 jogos, mas também ratificou o crescimento do futebol feminino no Brasil.

Com nomes de destaque da seleção feminina, como a lateral esquerda Tamires, a zagueira Erika, a meio-campista Andressinha, a atacante Adriana, e a goleira Letícia a equipe corintiana mescla experiência com juventude. A queridinha da torcida é a camisa 10, Gabi Zanotti (foto), carinhosamente chamada de Zinedine Zanotti, em uma comparação com o craque francês.

Este foi o sexto título desde a retomada do investimento do clube no futebol feminino, em 2016. Ao todo, foram dois Brasileiros, duas Libertadores, uma Copa do Brasil e um Campeonato Paulista.

Crescimento na TV Aberta

Atualmente, as mulheres representam 41% da audiência do futebol na televisão brasileira, sendo que entre 2014 e 2018, houve um aumento de 30%.

Tamanho sucesso, fez com que a TV aberta transmitisse em 2019, pela primeira vez da história, uma Copa do Mundo de Futebol Feminino. Os altos índices de audiência fizeram com que os canais participantes batessem recordes de audiência, cerca de 1,12 bilhão de pessoas assistiram ao torneio, um aumento de 30%, em relação a edição de 2015, realizada no Canadá, além de darem uma maior visibilidade não só para as atletas, como também para as profissionais do segmento.

Vale lembrar que durante a paralisação dos campeonatos devido à pandemia da Covid-19, a Rede Globo reprisou inúmeros jogos memoráveis, entre eles Brasil x EUA, que definiu a medalha de ouro do futebol feminino no Pan de 2007. Na oportunidade, a emissora liderou a audiência com 11 pontos de média, mostrando a força do futebol feminino no país.

Além de bons índices de audiência, a seleção feminina também tem colecionado títulos ao longo da sua trajetória. Ao todo, são sete vitórias nas oito edições da Copa América, além do tricampeonato nos Jogos Pan-Americanos. Isso sem contar com as conquistas individuais da Marta, eleita a melhor jogadora do mundo por seis vezes, sendo a maior vencedora do prêmio Fifa The Best entre atletas homens e mulheres.

*Com informações de Eduardo Micheletto

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas