Corinthians empata com Grêmio em casa

Corinthians conseguiu o empate aos 40 minutos, quando Renato Augusto
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Jogando na Neo Química Arena, o Corinthians empatou com o Grêmio por 1 a 1, na tarde deste domingo (5). Os gols foram de Renato Augusto e Diego Souza e o jogo válido pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Corinthians permanece na quarta colocação, com 57 pontos.

O Corinthians agrediu pouco na primeira etapa, mas criou algumas chances jogando pelas laterais. Aos 31 minutos, Willian tabelou com Renato Augusto e acertou a a trave do time gaúcho. Aos 37 minutos, Willian fez boa jogada pela direita, cruzou rasteiro para Giuliano bater, mas Pedro Geromel afastou.

O Grêmio abriu o marcador aos 38. Ferreira faz boa jogada pela esquerda, cruzou para Diego Souza ganhar de Fabio Santos e tocar na saída de Cássio.

Atletas do Corinthians comemoram gol na arena.
(Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

Na segunda etapa, o Corinthians voltou mais ligado e aos cinco minutos, Willian arriscou de fora da área e exigiu boa defesa de Gabriel Grando. Aos 17,  Willian de novo arrancou pela esquerda, cruzou, o goleiro do Grêmio falhou, mas Gabriel Pereira não aproveitou.

O Corinthians conseguiu o empate aos 40 minutos, quando Renato Augusto partiu da esquerda, levou para o meio e bateu de fora da área no ângulo. Na quinta-feira (9), pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians visita o Juventude, em Caxias do Sul (RS).

*Com FPF

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *