Promessa olímpica de Cuba, Jordan Diáz deserta na Europa

Saltador, de 20 anos, abandonou delegação de Cuba na Espanha
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Inder Cuba/Reprodução)

O atleta Jordan Díaz, uma das maiores promessas do esporte cubano, desertou para a Europa e não disputará os Jogos Olímpicos de Tóquio. A informação foi confirmada neste sábado (03/07) pelo governo em Havana.

A deserção aconteceu na Espanha, onde Díaz, de 20 anos, estava junto a sua delegação participando de um torneio de atletismo na província de Castellón.

“Ele abandou sua equipe na Europa”, confirmou José Antonio Miranda, diretor de atletas de alto rendimento do Instituto Nacional de Esportes de Cuba (Inder).

Sem Díaz, que era esperança de medalha no salto triplo, a delegação cubana em Tóquio será composta por 69 atletas em 15 modalidades.

A deserção de Díaz acontece apenas um mês depois de três jogadores de beisebol e o psicólogo da seleção cubana deixarem a delegação para viver em Miami, onde disputavam o torneio pré-olímpico.

“Também nesta semana o jogador de basquete Raudelis Guerra deixou a seleção cubana durante uma escala no aeroporto de Barajas, em Madri”, disse o site do Diario de Cuba.

Com 20 anos e 1,85 metros de altura, Jordan Diaz é considerado uma das maiores promessas do esporte cubano e a maior do salto triplo. 

Ele foi campeão mundial sub-18, dos Jogos Olímpicos da Juventude e fez a sexta melhor marca do ano no salto triplo, com 17,34 metros, a 35 centímetros do português nascido em Cuba Pedro Pichardo (17,69), favorito ao pódio em Tóquio.

Por Deutsche Welle

rpr (dw)

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas