Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Insatisfação com governo Bolsonaro cresce, diz CNI/Ibope

Jair Bolsonaro ao desembarcar do avião presidencial (Alan Santos/Presidência da República)

Os três indicadores que medem a popularidade do presidente Jair Bolsonaro registram piora entre abril e junho de 2019. O percentual dos que avaliam o governo como ruim ou péssimo sobe de 27% para 32%, enquanto o percentual da população que avalia o governo como ótimo ou bom oscila, indo de 35% para 32% (dentro da margem de erro da pesquisa, de 2 pontos percentuais para cima e para baixo).

No que diz respeito à maneira de governar do presidente Bolsonaro, o percentual de desaprovação cresce de 40% para 48%, enquanto a aprovaçãorecua de 51% para 46%. A confiança no presidente também diminui. O percentual dos que confiam nopresidente passa de 51% para 46% e o dos que nãoconfiam aumenta de 45% para 51%.

Com relação às ações e políticas por áreas espe-cíficas, o maior crescimento da insatisfação ocorrena área de Educação. O percentual dos que desa- provam a atuação do governo nessa área sobe 10 pontos percentuais, de 44% para 54%, e o percen- tual dos que aprovam cai de 51% para 42%.

A queda na popularidade do presidente é maior entre as mulheres, entre os respondentes com atéa quarta série da educação fundamental, entre os brasileiros com menor renda familiar e entreos residentes nas regiões Norte/Centro-Oeste e Nordeste. Cabe ressaltar que parcela importante da mudança deve-se à redução do percentual dos indecisos, ou seja, aqueles que não souberam ou não quiseram responder a pergunta.

Confira a íntegra da pesquisa CNI/Ibope aqui

*Conteúdo da Confederação Nacional da Indústria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by