Após 5 meses, Paraguai concede liberdade a Ronaldinho Gaúcho

Jogador e o irmão foram detidos com documentos falsificados.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Após cinco meses impedido de deixar o Paraguai, o ex-jogador brasileiro Ronaldinho Gaúcho conseguiu o direito a liberdade. A decisão da Justiça do Paraguai permitiu que Ronaldinho volte ao Brasil, após tentar entrar no país vizinho com passaporte falsificado.

Além de Ronaldinho, o irmão dele e empresário, Roberto de Assis Moreira, também poderá retornar ao Brasil.

Relembre o caso aqui.

*Com informações da Reuters

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas