Jornalista americano é morto por forças russas

Apesar da credencial do The New York Times, jornalista não atuava mais no veículo

Um jornalista estadunidense foi morto neste domingo (13) enquanto cobria a guerra na Ucrânia. Aos 50 anos de idade, Brent Renaud foi baleado em Irpin, que fica em uma região próxima à capital Kiev.

O repórter utilizava um crachá do veículo norte-americano “The New York Times”. A polícia local diz que outro profissional estava junto de Renaud no momento do ataque e também foi atingido. Ele segue em um hospital.

Foto mostra crachá do jornalista morto. É possível ler o nome do jornalista e o nome do jornal americano The New York Times.
Crachá utilizado pelo jornalista ajudou na identificação (Reprodução)

Em nota, o jornal dos Estados Unidos destacou que o jornalista não prestava serviços para a empresa há alguns anos e lamentou sua morte. Agências de notícias indicam que ele foi atingido por soldados russos.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.