Ronaldinho Gaúcho é alvo de ação da polícia do Paraguai

Ronaldinho e o irmão estão sob custódia na suíte presidencial do hotel.
Ronaldinho Gaúcho ao lado de procuradores e policiais do Paraguai
(Ministério Público do Paraguai/Reprodução)

O jogador brasileiro Ronaldinho Gaúcho e o irmão dele foram alvos de uma ação da Polícia Nacional e de procuradores do Ministério Público do Paraguai, na tarde desta quarta-feira (4), na cidade de Lambaré. Os agentes haviam recebido uma denúncia de que o jogador teria usado documentos paraguaios falsificados para passar pela fronteira.

A abordagem aconteceu em hotel de luxo, o Resort Yacht e Golf Club Paraguaio, onde Ronaldinho está hospedado na suíte presidencial. Quando os policiais chegaram ao local, segundo nota divulgada pelo Ministério Público, Ronaldo de Assis Moreira estava acompanhado do irmão Roberto de Assis Moreira.

Notíciasrelacionadas

(Ministério Público do Paraguai/Reprodução)

Ainda segundo a nota, foram apreendidos dois passaportes, identidade e telefones celulares. Os documentos, segundo os agentes, estão sendo comparados para confirmar a autenticidade.



Ronaldinho e o irmão teriam dito que viajaram ao Paraguai a convite de um empresário, dono de um cassino, e que tiveram contato com entidades assistenciais para fins filantrópicos. “Os irmãos De Assis Moreira encontram-se em livre comunicação na sua suite do Hotel Resort Yacht e Golf Club Paraguaio, e ficarão lá sob custódia segura”, finaliza a nota.

Ronaldinho e o irmão durante a abordagem (Ministério Público do Paraguai/Reprodução)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eu concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade.

Notícias relacionadas

Orelhas & Tiaras

Mais - recentes

São Paulo