Tensão: caças russos são interceptados pela Otan

Otan diz que interceptação foi feita por aviões dos EUA, Reino Unido e Noruega

O comando aéreo da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) anunciou nesta sexta-feira (4) que aviões estadunidenses, britânicos e noruegueses interceptaram aeronaves russas nos mares Báltico e de Barents.

De acordo com o comunicado, caças F-15 dos Estados Unidos encontraram aviões da Rússia próximos ao espaço aéreo aliado sobre o mar Báltico. Já as aeronaves do Reino Unido e da Noruega avistaram a movimentação acima do mar de Barents.

A localização citada fica entre próxima ao Oceano Ártico, entre Suécia, Finlândia, Rússia, Estônia, Letônia, Lituânia e Polônia. O local fica ao norte da Rússia.

Avião cargueiro russo abastece caça em pleno voo.
Aviões russos fazem abastecimento no ar sob vigilância da Otan (Otan/via TV Cultura)

Alertas de reação rápida foram lançados após o avistamento de bombardeiros.

“Durante a interceptação, foi confirmado que esses caças estavam escoltando uma aeronave de transporte russa TU-154. Em nenhum momento a aeronave russa entrou no espaço aéreo aliado e todas as interações foram seguras e profissionais”, destaca a Otan.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.