Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Médica cubana é morta pelo marido a golpes de chave de fenda em Mauá, na Grande São Paulo

O crime ocorreu no final da tarde deste domingo(3) na residência do casal, na Rua Francisco Iniesta Spinosa, 51, no Jardim Olinda.

De acordo com a Polícia Militar, o vigilante Adailton Gonçalves, de 45 anos, teve uma discussão com a esposa, a médica Laydes Sossa Gonçalves, de 38, por motivos ainda desconhecidos. Durante a briga, o vigia desferiu vários golpes na mulher usando uma chave de fenda.

Em seguida, ao notar que a vítima já estava morta, colocou o corpo em seu veículo, um Volkswagen Fox vermelho, e seguiu até uma área de chácaras, na Estrada dos Fernandes, em Ribeirão Pires, cidade vizinha. Gonçalves jogou o corpo na mata, às margens da estrada e pegou o caminho de volta para casa.

Parentes da médica já haviam acionado a Polícia Militar sem saber que Laydes já estava morta, e forneceram a placa do carro do vigilante. Durante o patrulhamento pela região, uma equipe de policiais conseguiu localizar o Fox.

Na abordagem, os militares perceberam que havia várias manchas de sangue no interior do carro e questionaram o motorista, que confessou o crime. Gonçalves conduziu os PMs até o local onde havia abandonado o corpo.

O vigilante foi conduzido ao 1º Distrito Policial de Mauá e autuado em flagrante pelo crime de feminicídio. O casal tem um filho, de um ano cinco meses, que agora vai ficar aos cuidados de parentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by