Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Menor de 12 anos suspeito de matar Raíssa vai ficar internado

Garota aparece em imagem de câmera de segurança ao lado do menor apreendido
(Record TV/Reprodução)


O menor, de 12 anos, suspeito de matar a menina Raíssa Eloá Capareli Dadona, de 9 anos, vai ficar internado na Fundação Casa do Brás, na área central de São Paulo. A Justiça decretou a internação nesta terça-feira (1), atendendo a pedido da Polícia Civil.

Segundo a família, Raíssa era autista e foi encontrada morta na tarde de domingo (29), no Parque Anhanguera, na Avenida Fortunata Tadiello Natucci, no bairro de Perus.

“Estamos trabalhando há pouco mais de 24 horas, mas já conseguimos obter várias informações que indicam a presença do adolescente na cena do crime”, explicou o delegado Luís Eduardo de Aguiar Marturano. 

A polícia informou ter encontrado contradições no depoimento do menor. “Ele confessou o crime, mas ainda não descartamos nenhuma linha de investigação”, explicou.

Imagens de circuito de segurança foram recolhidas para análise. Uma delas mostra o menor caminhando de mãos dadas com a menina.

A Polícia Civil ainda apura a motivação do crime e não desconsidera a possibilidade de participação de outras pessoas.

*Com informações da SSP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by