Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Operação com quase 600 agentes combate comércio ambulante

Ambulantes recebem orientação em tendas da Prefeitura (Luiz Guadagnoli/Prefeitura de SP)

A Prefeitura de São Paulo iniciou hoje (26), no Largo da Concórdia, a terceira etapa da Operação Comércio Legal, que tem o objetivo de combater a pirataria e melhorar a mobilidade em locais de grande concentração de comerciantes ambulantes.

Segundo o prefeito Bruno Covas, os bons resultados obtidos nas outras operações dá tranquilidade para garantir que os ambulantes não irão retornar.

“A ideia é dar uma opção aos ambulantes por meio do Tô legal!, um programa que permite que eles paguem para utilizar as áreas públicas, com vagas de emprego, e orientações sobre como se tornar um microempreendedor “, destacou.

Deflagrada pela administração municipal em 26 de novembro de 2018 em uma área de cerca de 22 mil metros quadrados, a Operação, em pouco mais de um mês de atuação, foi ampliada para 96 mil metros quadrados fiscalizados com 547 estabelecimentos comerciais.

Nesta terceira etapa, a área de atuação da operação foi ampliada e chegará a 153 mil metros quadrados, levando as ações a uma região com 1.074 estabelecimentos comerciais que trabalham dentro da legalidade e que juntos geram aproximadamente 20 mil empregos de forma direta.

*Com informações da Prefeitura de SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by