Ação combate lavagem de dinheiro e tráfico internacional na grande São Paulo

Ação foi em Cajamar e Santana de Parnaíba

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (2) operação para aprofundar a investigação de crimes de lavagem de capitais relacionados a tráfico internacional de drogas. Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão em Cajamar e um em Santana do Parnaíba, ambas na região metropolitana de São Paulo.

As investigações, que resultaram na Operação Blanched, começaram a partir de informações que apontaram para movimentação incomum de R$ 5,2 milhões, entre fevereiro de 2019 e fevereiro de 2020, em conta bancária na cidade de Cajamar. Os valores eram depositados por empresas já investigadas pela Polícia Federal por não serem operacionais e abertas, sequencialmente, por organização criminosa especializada em lavagem de dinheiro e envolvimento com tráfico internacional de drogas.

“As empresas estão registradas como pessoas jurídicas voltadas a serviços de cobrança, agenciamento, bebidas, administração imobiliária, comércio eletrônico e atacadista do setor de alimentos, com sedes nas cidades paranaenses de São José dos Pinhais, Colombo e Foz do Iguaçu, além de Jundiaí, no interior de São Paulo”, disse a PF.

De acordo com a PF, alguns dos sócios das empresas identificadas figuram como beneficiários do auxílio-emergencial, demonstrando absoluta incompatibilidade de renda com os valores movimentados e até o momento não foram encontrados registros ou documentos, como notas fiscais, que justifiquem os valores movimentados.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.