Atirador é identificado e não tinha antecedentes criminais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Facebook/Reprodução)

A Polícia Civil de São Paulo identificou o atirador que matou quatro pessoas e se matou durante uma missa, nesta terça-feira (11), em Campinas, no Interior de São Paulo. Euler Fernando Grandolpho tinha 49 anos.

Ele não tinha passagens pela polícia, segundo divulgou o G1. Euler trabalhava como analista de sistemas.

O documento de identificação do suspeito foi encontrado na mochila que ele carregava.

(Reprodução)

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas