Mulher é presa após matar filho de 10 meses em Itu, no interior de São Paulo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Mulher disse que cometeu o crime por que a criança não parava de chorar(Foto:Divulgação/Polícia Militar)

Uma mulher de 18 anos foi presa por policiais da Força Tática após matar o filho de apenas 10 meses, o crime aconteceu por volta das 2h madrugada deste sábado(20), no bairro São Luiz, em Itu, no interior de São Paulo.

Segundo informações da PM, a acusada confessou que praticou o crime após ter ingerido bebida alcoólica e ter feito o uso de entorpecentes na casa de uma amiga. A PM também informou que o assassinato, mediante sufocamento, teria ocorrido porque a criança não parava de chorar. Por volta das sete horas da manhã, ao perceber que o bebê continuava desacordado, a acusada levou a criança até a casa da avó onde tentou reanimá-la, mas sem sucesso. A mãe e a avó procuraram atendimento no Hospital São Camilo, mas a criança já estava sem vida. A Polícia foi acionada pela equipe médica.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o pai da criança cumpre pena por tráfico de drogas e a mãe já havia sido denunciada anteriormente, na Delegacia de Defesa da Mulher de Itu, por maus-tratos. O crime aconteceu na Rua Paulo Eduardo Xavier de Toledo.

Amanda do Rosário Amaral foi atuada em flagrante por homicídio qualificado, ficando à disposição da justiça. Se condenada, poderá ser sentenciada entre seis a vinte anos de prisão.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas