Passageiros são presos em Cumbica tentando embarcar com cocaína

Droga estava escondida em uma adega de vinhos e em malas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Cão de faro identifica bagagem com droga (Receita Federal)

Agentes da Receita Federal prenderam dois passageiros que tentaram embarcar com carregamento de cocaína no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos. Os flagrantes, totalizando sete quilos de entorpecentes, aconteceram na madrugada de hoje (18) e de ontem (17).

Segundo a Receita, uma das malas com a cocaína foi identificada durante inspeção com cães de faro, na área de bagagem despachada. O entorpecente, cerca de dois quilos, estava escondido em uma adega climatizadora de vinhos. 

A mala era de um passageiro que tinha como destino Addis Ababa, capital da Etiópia. Um vídeo (abaixo), divulgado pela Receita Federal, mostra o momento em que os agentes localizaram a droga dentro do eletrodoméstico e confirmaram se tratar de entorpecente.

(Receita Federal)

Outro caso envolveu um viajante com destino a Maputo, capital de Moçambique. Ele tentou embarcar com 5,124 kg de cocaína escondidos em fundos falsos de bolsas.

Os dois foram presos em flagrante por tráfico internacional de drogas. Eles foram apresentados à Polícia Federal e vão responder pelo crime na Justiça brasileira.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas