Polícia mata suspeito de assaltar farmácia

Dois suspeitos fugiram após a chegada da polícia.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Uma troca de tiros entre policiais militares e criminosos terminou com a morte de um suspeito na área Central de São Paulo. O tiroteio ocorreu por volta das nove horas da noite desta segunda-feira (24) na na região do Brás.

Local do assalto, na Avenida Celso Garcia (Google Street View)

De acordo com a PM, três bandidos armados invadiram a drogaria Stillus Farma, localizado na Avenida Celso Garcia, número 275, próximo à esquina com a Rua Joli. Os criminosos renderam dois funcionários e os clientes que estavam no local e recolheram o dinheiro que havia no caixa, além de celulares e outros pertences das vítimas.

Toda a ação foi testemunhada por um pedestre, que ligou para o 190, dando o alerta. O Copom acionou as equipes em patrulhamento na área, e os policiais chegaram rapidamente ao local, ainda em meio ao assalto.

Assim que perceberam a aproximação dos militares, os assaltantes correram, mas um deles invadiu uma lanchonete ao lado da farmácia, de onde teria efetuado disparos em direção aos Pms, que reagiram. No revide, o criminoso acabou sendo atingindo e ficou caído na calçada.

Os outros dois conseguiram fugir, um deles, possivelmente, também baleado. Atingido no tórax, o suspeito ainda foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital Municipal do Tatuapé, mas ele não resistiu e acabou morrendo. Os militares saíram ilesos. 

A ocorrência foi comunicada ao delegado plantonista do Oitavo Distrito Policial, do Brás, e registrado como “morte decorrente de intervenção policial” no DHPP, o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa,  que vai apurar a ação dos PMs.

Por Paulo Édson Fiore – Repórter da Jovem Pan

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas