Quatro passageiros são presos com droga em Cumbica

Todos vão responder por Tráfico Internacional
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Polícia Federal/Reprodução)

A Polícia Federal prendeu, em ações distintas, entre os dias 26 e 27/1, no Aeroporto Internacional de São Paulo, 4 passageiros que transportavam drogas nas bagagens. As ações, que resultaram nas prisões, foram resultado das apreensões realizadas pelas equipes da Polícia Federal e Receita Federal.

No sábado (26), servidores da Receita Federal, que fiscalizavam as bagagens despachadas pelos passageiros, com o auxílio de cães farejadores, identificaram conteúdo suspeito dentro de duas malas. Uma das malas teria como destino final a cidade de Conacry, na Guiné e a outra seguiria para Beirute, no Líbano. A PF foi acionada, e os policiais localizaram seus proprietários, um homem português, de 24 anos de idade e um francês de 44 anos, quando ainda realizavam os procedimentos migratórios.



Conduzidos à sede policial, os peritos federais encontraram mais de 4 Kg de cocaína escondidos em fundos falsos da mala do passageiro nacional de Portugal e outros 7 Kg, na forma de tabletes, que estavam envoltos em roupas, dentro da mala do cidadão francês. Ambos receberam voz de prisão.

Na segunda situação, funcionários que realizam a inspeção dos passageiros que passam pelo controle migratório acionaram os policiais federais ante suspeita de que uma mulher ocultava algo sob as vestes. Conduzida a uma sala reservada, policiais realizaram busca pessoal e encontraram volumes fixados às pernas da suspeita. Realizada perícia nos volumes, foi identificado um total de 3 Kg de cocaína. A mulher, nacional do Suriname e 37 anos de idade, pretendia levar a droga para Joanesburgo, na África do Sul.

No domingo (27), em voo com destino a Kuala Lumpur, na Malásia, foi presa uma mulher filipina, de 32 anos de idade, tentando embarcar com cocaína diluída dentro de embalagem de sabão líquido e em garrafa de bebida. A mulher, que havia levantado suspeitas dos policiais federais que fiscalizavam os passageiros na fila do check-in, disse, ao ser entrevistada, que levava consigo algumas encomendas para ser entregue à família de um conhecido no país de destino. O volume total da droga, encontrada com a mulher, somou mais de 5 Kg de cocaína.

Os presos serão encaminhados aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça.

*Conteúdo da Agência Polícia Federal

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas