Sequestradores são presos após tentar render empresário

Bando era formado por três homens e uma mulher

A Polícia Militar prendeu uma quadrilha que realizava sequestros na região do Rio Pequeno e Butantã, Zona Oeste de São Paulo. O bando, sendo três homens e uma mulher, agia com violência para aterrorizar suas vítimas .

Eles foram detidos no início da madrugada de hoje (4), minutos após tentar sequestrar um empresário, morador de Alphaville, em Barueri, na região metropolitana. A vítima estava ao volante de uma picape e foi abordada pelos sequestradores ao parar em um semáforo, em uma avenida no bairro do Rio Pequeno.

Notíciasrelacionadas

O empresário, em um primeiro momento, não reagiu e entregou aos ladrões seus objetos pessoais. Mas, ao perceber que seria levado para um cativeiro e que um dos ladrões não estava armado, o empresário reagiu, entrando em luta corporal com assaltante.

Em seguida, os suspeitos fugiram na picape, deixando a vítima no local. Um motoboy que havia presenciado toda a ação, cruzou com uma equipe da PM e informou aos policiais sobre o ocorrido.

Os militares, então, seguiram para o local, mas os ladrões já haviam fugido na caminhonete do empresário, sendo escoltados por ocupantes de um taxi. De posse das características dos carros, os pms passaram a fazer buscas pela região, até que conseguiram localizar e prender a quadrilha.Eles haviam abandonado a picape em uma rua próxima e fugido no táxi.

Com os assaltantes, os policiais encontraram os objetos roubados da vitima e duas máquinas de débito que eram usados para fazer operações. Os criminosos foram encaminhados ao (89º) Distrito Policial, do Portal do Morumbi, e autuados em flagrante.

Outro caso

Na delegacia, eles foram reconhecidos por outra vítima, um jovem comerciante que foi sequestrado na última segunda-feira (1), na Avenida Brigadeiro Faria Lima, em Pinheiros, também na Zona Oeste da Capital.O rapaz contou aos PMs que estava em um veículo quando foi abordado pelos bandidos, que ocupavam outro automóvel.

Ele teve de entregar os cartões com as senhas e foi levado para um cativeiro, em uma favela, no Jardim D’Abril, em Osasco, na Grande São Paulo. Ali, o jovem foi espancado e ameaçado de morte caso não fornecesse as senhas dos cartões.

A sessão de tortura psicológica e agressões durou cerca de três horas. A Polícia Militar foi acionada, possivelmente, por moradores e conseguiu libertar a vítima. Os sequestradores conseguiram escapar, mas, nesta quinta-feira, eles acabaram presos depois de mais uma ação criminosa.

*Com Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eu concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade.

Notícias relacionadas

Orelhas & Tiaras

Mais - recentes

São Paulo