Suspeitos de tráfico são presos em Carapicuíba

Agentes da Dise de Osasco flagraram suspeitos durante investigação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Um trio suspeito de tráfico de drogas, entre eles uma mulher, foi preso em Carapicuíba, na Grande São Paulo, na noite de ontem (26). A ação foi realizada por agentes da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes de Osasco (Dise).

Os investigadores chegaram até uma casa na Rua Paulo da Silva, próximo à Avenida Escola Politécnica, no Jardim do Lago, região do Rio Pequeno, Zona Oeste da Capital. No local, os policiais prenderam dois homens e apreenderam cerca de 650 porções de crack embaladas e prontas para serem comercializadas, além de anotações com a contabilidade do tráfico.

A droga estava escondida em um buraco construído no corredor do imóvel. Interrogados, os suspeitos revelaram que uma comparsa, que atua para o tráfico exercendo a função de “formiguinha”, estaria trazendo mais entorpecente, que seria entregue para a dupla na Estação da CPTM em Osasco.

Os investigadores, então, seguiram para o local e com base na descrição fornecida pelos presos, conseguiram localizar e prender a mulher. Ao todo, foram apreendidas 1800 porções de crack e R$ 1,1 mil proveniente da venda do entorpecente. Segundo a Polícia Civil, a droga apreendida iria abastecer pontos de venda em uma favela localizada às margens do Rodoanel Mário Covas. A mulher e um dos suspeitos detidos, até então, não tinham antecedentes criminais.

O trio foi conduzido à DISE de Osasco e autuado em flagrante por tráfico de drogas. 

*Com informações de Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas