Capital vai aplicar 300 mil testes rápidos de covid-19

Capital registrou 11.585 casos suspeitos de covid-19 nos três primeiros dias deste ano

A Prefeitura de São Paulo iniciou hoje (5) a realização de 300 mil testes rápidos de antígeno no setor de triagem das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), para identificar os casos positivos de covid-19. O objetivo, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, é conhecer a proporção de casos de influenza e de covid-19 entre os sintomáticos respiratórios da cidade.

Desde o dia 30 de dezembro, as UBSs, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs), Pronto Atendimentos (PAs) e Prontos-socorros (PSs) realizam também testes rápidos para influenza. 

“Os indivíduos com sintomas respiratórios agudos, com pelo menos dois dos sintomas (febre, mesmo que referida, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou degustativos), serão orientados a realizar o teste rápido e, em caso negativo para Covid, a pessoa deverá realizar o teste rápido para o vírus influenza, causador da gripe”, informa a pasta.

Edson Aparecido, homem branco e cabelos grisalhos, usando máscara de proteção facial, observa profissional de saúde com o teste de covid-19 nas mãos. Eles estão dentro de uma sala da unidade de saúde, onde é possível ver uma balança, mesa e outros equipamentos de saúde.
Edson Aparecido, secretário municipal de Saúde de São Paulo observa teste rápido de covid-19
(Pref. de São Paulo)

Ainda segundo a Prefeitura, os casos positivos de covid-19 serão submetidos também ao RT-PCR. “Posteriormente, essas amostras serão encaminhadas ao Instituto Butantan, para genotipagem da variante circulante”, esclarece.  

“Vamos fazer essa ampla testagem nas próximas duas semanas, o que nos possibilitará ter uma visão mais clara sobre o comportamento das doenças na capital. Estamos acompanhando os números de perto, para que possamos prestar a melhor assistência para a população”, diz Edson Aparecido, secretário municipal da Saúde.

Casos

No mês passado, o município registrou 286.858 atendimentos a pessoas com quadro respiratório. Destes, 133.501 eram suspeitos de covid-19. Em novembro de 2021, foi registrado um total de 111.949 atendimentos de pessoas com sintomas gripais, sendo 56.220 suspeitos de covid-19. 

Já nos três primeiros dias deste ano, a cidade realizou 20.333 atendimentos a pessoas com sintomas respiratórios, sendo 11.585 suspeitos de covid-19. 

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.