Festa clandestina de R$ 1.600 tinha Matheus e Kauan como atração

Ingressos para o evento, localizado no bairro do Jardins, custavam R$ 1.600,00
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Rede Social/via TV Cultura)

A Força-tarefa do Comitê de Blitze do estado de São Paulo encerrou, na madrugada deste domingo (11), uma festa clandestina que tinha como atração a dupla sertaneja Matheus e Kauan. O evento acontecia no Jardins, bairro nobre da capital paulista.

O local é, na verdade, um escritório de advocacia. A entrada custava em torno R$ 1.600,00. Em nota, o Governo do estado aponta que a festa acontecia para comemorar o aniversário de uma socialite, e que foram encontradas drogas no local. Cerca de 500 pessoas estavam aglomeradas e não utilizavam máscara.

“A Vigilância Sanitária recebeu mais de cem denúncias da festa realizada neste escritório, que frequentemente promovia eventos clandestinos com artistas famosos e garantia aos convidados que o local não seria fiscalizadopela Polícia”, coloca o texto. 

Em vídeo, uma mulher que estava no local aparece ofendendo os agentes. A moça ainda ordenou que os policiais fossem para a “favela”. Veja o vídeo do desacato, publicado por Alexandre Frota em sua conta o Twitter:

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas