Guarda Metropolitana escolta vacinas em São Paulo

Vigilância é feita 24 horas por dia
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(GCM/Reprodução)

O Centro de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológico (CADI) recebeu o primeiro lote da vacina de Oxford/AstraZeneca contra a covid-19. A distribuição regional, organizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), conforme o Plano Municipal de Imunização, conta com o apoio da Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU), responsável pela segurança dos lotes.

Mais de 160 mil doses da vacina de Oxford, fornecida pelo laboratório AstraZeneca, foram direcionadas aos Postos de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (PADI) nas cinco regiões da cidade com a escolta da Guarda Civil Metropolitana (GCM).

Além da escolta, realizada pelas Inspetorias de Operações Especiais (IOPE) e Ações com Motocicleta (IAMO), a GCM também é responsável pelo policiamento nos PADI, em período integral. 

As operações de transporte das vacinas têm um significado diferente para os agentes. “Nós estamos transportando vidas. Na atual situação mundial, as vacinas são um aparato a mais para que a vida volte à sua normalidade. Em determinados locais, o povo nas ruas começa a aplaudir. É gratificante”, afirmou o Inspetor de Divisão e coordenador da operação, Roberto Panoni Sanches.

(GCM/Reprodução)

Por Pref. de São Paulo

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas