Isolamento social tem adesão de 46% em São Paulo

Segundo o último balanço divulgado pelo governo estadual, 3.416 pessoas já morreram vítimas do novo coronavírus em São Paulo
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Mais de 3,4 mil pessoas já morreram vítimas do novo coronavírus em SP (Foto:Nivaldo Lima/SP AGORA)

O isolamento no estado de São Paulo teve 46% de adesão durante a última sexta-feira (8), segundo o monitoramento feito pelo governo estadual. O sistema usa os dados de localização dos telefones celulares disponibilizados pelas operadoras.

O índice foi o mesmo na capital paulista. Na última quinta-feira (7), o prefeito Bruno Covas anunciou a retomada e ampliação do rodízio de veículos na cidade como forma de tentar aumentar o isolamento como medida de contenção à disseminação do novo coronavírus (covid-19). Agora, os carros de placas com final par só poderão circular nos dias do mês pares e as com final ímpar, nos dias ímpares.

O governador João Doria prorrogou ontem (8) a quarentena em todo o estado até o dia 31 de maio. É a terceira vez que o governador estende a quarentena, que teve início no dia 24 de março e estava prevista para ser encerrada no domingo (10). Durante a quarentena, somente serviços considerados essenciais como logística, segurança, abastecimento e saúde podem funcionar.

Segundo o último balanço divulgado pelo governo estadual, 3.416 pessoas já morreram vítimas do novo coronavírus em São Paulo, 61,8% na capital paulista.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas